Dito e Feito-PB www.ditoefeitopb.com.br

Dito e Feito-PB www.ditoefeitopb.com.br

O blog Dito e Feito-PB é uma propriedade da Dito e Feito Portal de Comunicação LTDA, empresa gerenciada pelo advogado Djair Alexandre da Silva Júnior. Editado pelo casal de jornalistas, Wellington Farias e Eloise Elane, tem sede na cidade de João Pessoa, Capital do Estado da Paraíba.

O Dito e Feito-PB não é um veículo imparcial, nem pretende sê-lo. Entende que, no jornalismo, a imparcialidade é uma utopia, quando não uma farsa. Tem, portanto, as suas preferências, mas buscando ser o mais democrático possível, oferecendo espaços a todos os segmentos e opiniões diversas, incluindo aquelas das quais discorda completamente. Só há uma exceção à regra: não veicula nada que configure afronta à democracia, sobretudo conteúdo de doutrina nazifascista.

O Dito e Feito-PB também entende que a sinceridade é o primeiro passo para a busca da verdade.

Respeitando tais princípios, o conteúdo do blog prioriza notícias e opiniões sobre política, educação, cidadania, literatura, música, cultura geral, além de outros temas de interesse público; reserva espaços para o resgate da história e da memória da Paraíba e do Brasil.

Este blog é, acima de tudo, um instrumento de informação e opinião com postura intransigente na defesa do estado democrático de direito, dos direitos humanos e da livre manifestação de pensamento.

Ganhar dinheiro não é a única razão para a existência deste blog. O Dito e Feito-PB precisa, entretanto, ter uma fonte de renda mínima para cobrir despesas de manutenção, hospedagem, equipamentos etc.

As dificuldades para obter renda sem as famosas parcerias com o poder público são enormes. Por isso, estamos iniciando uma campanha junto aos leitores, para que façam doações mensais no valor de apenas R$ 1 real. Exatamente, R$ 1 real.

Chave do Pix: 83996304805
Titular: Wellington Alexandre de Farias

Os editores
A jornalista Eloise Elane é formada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, desde 1988, pela Universidade Federal da Paraíba. Também é mestranda do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo Profissional, também pela UFPB. É natural de João Pessoa, PB.

Pertence aos quadros de Jornalistas do Estado da Paraíba. Trabalhou, nas primeiras décadas de sua carreira, nos jornais A União, O Norte, Correio da Paraíba, e na produção de notícias da TV Cabo Branco.

Com larga experiência em Assessoria de Imprensa, atuou no Tribunal de Justiça da Paraíba, Ministério Público da Paraíba, Tribunal Regional Eleitoral, PBTur, e na então Secretaria de Cidadania e Justiça (hoje Administração Penitenciária), no Sindelétric, Assessorias Parlamentares dos Ex-deputados Chico Lopes, Luiz Couto e Dona Dida.

Compõe, atualmente, a equipe de Comunicação da Assembleia Legislativa da Paraíba.

Wellington Farias é natural da cidade de Serraria, no Brejo da Paraíba. Pertence a última leva de jornalistas não formados pela academia.

Considerado um dos mais destacados repórteres de sua geração, Wellington atuou em quase todos os veículos de comunicação de João Pessoa, incluindo jornais impressos, revistas, rádio, televisão e portais de notícias. Fez freelancer  para a revista Veja. Na Paraíba, cobriu para o jornal O Globo (Rio), as primeiras eleições diretas pós-restabelecimento da democracia no Brasil.

Foi criador e editor do primeiro veículo de comunicação online na Paraíba, o Mural de Notícias, que surgiu quase simultaneamente com o advento da internet, no início dos anos 90.

Na condição de comentarista, por quase oito anos Wellington Farias foi titular da bancada do mais ouvido programa radiofônico da Paraíba, o Correio Debate, na Rádio Correio 98.3, do Sistema Correio de Comunicação.

Para Wellington Farias, a sua maior satisfação profissional foi quando ancorou, por quase dois anos, o programa Dedim de Prosa, que era veículado pela TV Assembléia-PB. Foi um programa idealizado pelo próprio Wellington Farias, com a proposta de levar à bancada de entrevista qualquer pessoa que tivesse uma história interessante e, de preferência emocionante, independente de cor, raça, condição social e títulos.

Welllington Farias também é funcionário cocursado da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

------------------------------------------------------

Chave do Pix: 83996304805
Titular: Wellington Alexandre de Farias